São Miguel avança na segurança pública e na economia na conjuntura degradante que o Brasil está passando.

Segundo o levantamento do ranking Connected Smart Cities da consultoria urban, coloca a nossa cidade na posição no 3° município mais seguro do país

Por Givaldo Luiz 10/11/2017 - 23:36 hs
São Miguel avança na segurança pública e na economia na conjuntura degradante que o Brasil está passando.
Reprodução

A economia do nosso país nos últimos anos está vivendo na UTI. Escutamos muito em tele jornais, jornais expressos em rádios, internet. A tão grande e profunda recessão que estamos passando. Muitos não se interessam pela economia e até mesmo pela situação real e atual que nosso país está passando na nossa conjuntura política e social e até mesmo muitos não procuram o significado da palavrinhas recessão, e nem busca o seu verdadeiro significado. Segundo registro do Instituto IBGE em 2016 a economia encolheu 3,6%. Para alguns até pensa que é um número insignificante, pois bem, não é isso que estamos enfrentando. Em março de 2017 só para termos uma ideia do fato, o desemprego atingiu seu auge com a taxa de 13,6% o que representa mais de 14 milhões de brasileiros desempregados.

 

Sabemos que entre todos os estados federativos do Brasil, "Alagoas" é o que mais sofre com essa crise econômica e política, e posso até afirmar categoricamente que tudo isso influência em uma má gestão.

 

Saindo um pouco do cenário nacional e vindo para o foco do atual momento em nossa cidade São Miguel dos Campos, neste ano teve um grande destaque tanto na área de segurança pública como na área econômica. Segundo o levantamento do ranking Connected Smart Cities da consultoria urban, coloca a nossa cidade na posição no 3° município mais seguro do país. E na economia ela teve um aumento bem elevado e expressivo e significante desde os últimos 20 anos, em geração de emprego e renda, com o início da moagem da safra de 2017 existe uma grande expectativa de crescimento da produção dos últimos anos. E também consequentemente o início da produção da empresa geradora de álcool, “ granbio", com toda essa real expectativa, uma nova perspectiva que tornou realidade em nossa cidade só pra acrescentar ainda mais essa elevada significância em nosso bem está para a população miguelense, que é a mais nova geração de renda emprego com a construtora que iniciará a continuidade das obras da duplicação da br-101, sem esquecer as grande redes de lojas que estão apostando aqui nesta cidade, onde muitas já abriram as portas e estão com todo vigor. E com toda essa grande novidade em nossa cidade gerará um aumento de emprego direto e indireto, sem contar em grande quantidade de capital de giro do nosso comércio, levantando auto-estima tanto nossa e dos comerciantes, também dos empregados, e que todos serão beneficiados com o aumento da economia.

 

Em São Miguel dos Campos-AL, com a ligeira melhora na economia, mas gente passou a procurar emprego no trimestre entre outubro e novembro. Isto é, um grande crescimento na força de ofício pelo lado da ociosidade. Esse objetivo é um elemento que contribui para a obtenção de um resultado que puxa taxa de desemprego para baixo, com isso todos podem ser beneficiados direta ou indiretamente em nosso município.







Deixe seu Comentário