Lesada pelo prefeito de Roteiro, estudante de enfermagem concede entrevista à coluna Xeque-Mate e faz polêmicas revelações

Estudante não titubeou e não se esquivou de pergunta alguma: Foi direta e contundente.

Por Marques Maciel 26/10/2019 - 14:36 hs
Lesada pelo prefeito de Roteiro, estudante de enfermagem concede entrevista à coluna Xeque-Mate e faz polêmicas revelações
Estudante roteirense foi dura em suas respostas

No dia 24 de agosto a coluna Xeque-Mate inaugurou uma de suas novidades: sua extensão para o Facebook.

 

Denominada "TV Xeque-Mate", a novidade da coluna é a sua versão áudio-visual.

 

Através de vídeos gravados e transmitidos ao vivo, este simples colunista ora atua como comentarista de fatos atuais ocorridos na pequena cidade de Roteiro, ora recebe convidados para lhes entrevistar sobre os mais variados assuntos.

 

A TV Xeque-Mate é um sucesso!

 

Na noite da última terça-feira, 22, a bola da vez foi a estudante de enfermagem Ana Salustiano.

 

Recentemente, essa jovem ousada esteve no olho dum furacão e isso rendeu pauta para a última publicação desta humilde coluna.

 

Ana foi demitida pública e vexatoriamente pelo prefeito de Roteiro, Wladimir Brito, ao se juntar a outros estudantes com o simples propósito de buscar melhorias para o transporte do qual faziam uso.

 

Isso gerou uma senhora polêmica.

 

Na entrevista, Ana Salustiano fez declarações e revelações bombásticas.

 

Não se esquivou de nenhuma pergunta, ainda que difíceis de responder.

 

Falou sobre sua vida pessoal, transporte público, política etc.

 

Emocionou-se. Foi tenso.


 

Participou de um curto bate-bola.

 

Ao ser indagada sobre o porquê de as pessoas de sua cidade se omitirem e se esquivarem quando questionadas publicamente sobre política, foi segura:

 

"Eu acredito que aqui ninguém tem autonomia, ninguém tem o livre arbítrio, quem trabalha, para expressar um opinião; porque se expressar uma opinião, já é oposição. E o que acontece, acredito que aqui é uma ditadura disfarçada".

 

Quando interpelada acerca do comportamento do prefeito durante a discussão, não vacilou:

 

"Comportamento péssimo! Foi um dano psicológico. Pra mim ele causou um dano psicológico".

 

Acusada de ter erguido uma bandeira de oposição ao governo do prefeito Wladimir dentro do transporte, afirmou que o mesmo a acusou daquilo que ele mesmo estava cometendo: a prática de campanha política antecipada.

 

Argumentou que sofreu uma terrível ingratidão por parte do prefeito pelo fato de ter se engajado nas campanhas eleitorais de 2012 e 2016 e ter sido demitida inocente e arrogantemente pelo prefeito:

 

"Dei a minha cara pra bater mesmo e agora na altura do campeonato ser tratada assim com essa ingratidão terrível. Porque é um ingrato!".

 

Alegou ter sido lesada tanto pelo prefeito Wladimir Brito, quanto pelo sobrinho do prefeito e vice-prefeito Álisson Reis:

 

"Não só por ele como pelo vice. Por que me senti lesada? Na primeira reunião, como eu falei antes, ele falou: "Gente, tudo o que acontecer, conta pra Ana. Nós resolvemos." E não resolvia nada!".

 

 

Foram várias e várias revelações.

 

No final da entrevista e do bate-bola, foi abordada com a seguinte pergunta: "Wladimir Brito?".

 

Depois de um silêncio pra lá de revelador, a resposta:

 

"Wladimir Brito pra mim foi um erro, um erro".

 

O vídeo completo pode ser conferido no perfil "Marques Maciel" no Facebook e o resumo do vídeo nesta matéria.

 

Ambos estão imperdíveis.

 

À Ana Salustiano, meu pesar pelos danos sofridos, os meus agradecimentos e os meus sinceros parabéns.

 

Que honra, Ana!

 

Assista ao vídeo-resumo e as confira.

 







Deixe seu Comentário