Sinal analógico de TV será desligado no mês de maio em 13 cidades de Alagoas

Os beneficiários do Bolsa Família e outros programas do CadÚnico, podem solicitar os kits grátis de TV digital.

Por Edilane Almeida 07/02/2018 - 16:14 hs
Foto: Divulgação


No dia 30 de maio de 2018 o sinal analógico de TV será desligado em alguns municípios de Alagoas. Com a mudança, o telespectador passará a ter mais qualidade de imagem e áudio nos televisores. 

 

Além de Maceió, as cidades de São Miguel dos Campos, Paripueira, Barra de Santo Antônio, Messias, Rio Largo, Satuba, Santa Luzia do Norte, Coqueiro Seco, Marechal Deodoro, Barra de São Miguel, Pilar e Atalaia passarão por este processo de desligamento já a partir de maio.

 

Nem todas os televisores estão equipados para receber o novo tipo de sinal, por isso foi criado um programa social para distribuir kits grátis de TV digital.

 

Muitas famílias alagoanas, especialmente as mais carentes, não possuem em casa uma televisão com conversor digital embutido. Também não conseguem separar um dinheiro do orçamento para comprar conversor digital e antena UHF. Para preservar a gratuidade da TV aberta, mesmo com sinal digital, o Governo Federal resolveu apoiar a distribuição de kits gratuitos (composto por 1 conversor digital, 1 corpo da antena, 1 fonte de alimentação, cabo RCA, varetas, suporte de vareta com mastro, saquinho com parafusos, porcas e arruelas, 8 metros de cabo coaxial e controle remoto com duas pilhas).

 

Os beneficiários do Bolsa Família e outros programas do CadÚnico, podem solicitar os aparelhos que garantem uma transmissão de alta qualidade na televisão. Veja como garantir esse benefício.

 

Para Solicitar


A solicitação do kit pode ser realizada de forma simples, prática e rápida através da internet. O cidadão interessado só precisa acessar o site Seja Digital e informar o número do CPF/NIS do responsável familiar. Feito isso, basta preencher um formulário eletrônico com dados pessoais.

 

A entidade Seja Digital, responsável pela distribuição dos kits, irá verificar se o Número de Inscrição Social consta na lista do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS). A consulta também leva em conta se a distribuição dos equipamentos está acontecendo na sua cidade.