Simone e Simaria estreiam na Quarta temporada de The Voice Kids

O vencedor ganhará R$250 mil e um álbum gravado pela Universal

Foto: Reprodução


Eles estarão de férias, mas não de folga. A partir do dia 6 de janeiro, mais uma leva de pequenos notáveis mostrará carisma e talento durante a quarta temporada do The Voice Kids.

 

Exibido pela Globo aos domingos, o programa de competição entre crianças cantoras continuará sendo apresentado por André Marques e Thalita Rebouças e mentoreado e julgado por Carlinhos Brown, Cláudia Leitte e Simone e Simaria.

 

Os 14 novos episódios -nove são gravados e cinco são ao vivo- seguirão o mesmo formato das temporadas anteriores, incluindo as já conhecidas batalhas entre participantes e os shows ao vivo. 

 

"Me sinto honrada em fazer parte da vida de tanta criança. Eu que sou mãe, eu que sou uma mulher sonhadora, desde que eu era pequena eu tinha tantos sonhos que eu achava que já era grandona, porque meus sonhos eram maiores do que eu", disse Claudia Leitte durante o lançamento da nova temporada infantil nesta quinta (29), no Rio. "Acho que meus sonhos continuam grandes, mas isso aqui é maior do que eu podia imaginar lá atrás."

 

A primeira etapa a ser exibida já foi gravada e mostrará as audições às cegas, nas quais os candidatos são avaliados apenas pela sua voz -se os jurados decidem virar suas cadeiras para conhecer o dono da voz, o candidato entra no páreo com o mentor que escolher ou estiver disponível.

 

"Vocês sentem essa emoção do outro lado da tela e sabem como é lindo ver esses talentos brilharem aos domingos à tarde", disse Simone. "Se vocês, do outro lado, já acham incrível, se emocionam, choram, torcem, imaginem nós, sentadas naquelas cadeiras, vivendo toda aquela emoção, passando um filme da nossa infância, porque todos aqui começamos a cantar quando criança."

 

Ela e a irmã, que compõem a dupla sertaneja Simone & Simaria, substituíram Victor e Léo na temporada anterior, a de maior audiência desde a estreia do programa, em 2016, e venceram a competição com a pupila Eduarda Brasil. 

 

A garota paraibana, de 16 anos, chegou a substituir Simaria durante um show com Simone no Ceará, enquanto a artista se tratava de uma tuberculose ganglionar e da qual se recupera agora.

 

Uma das críticas feitas ao programa é a diferença de idade entre os participantes, que deixa a competição desnivelada em termos de experiência dos artistas, o que poderia prejudicar os mais novos.Flávio Goldemberg, diretor geral do reality, afirma que houve uma preocupação em aproximar as idades e, por isso, limitaram a faixa etária dos participantes para até 14 anos, um a menos do que nos anos anteriores.

 

"A gente sentiu um pouco isso e deu essa diminuída na idade. Mas isso não quer dizer nada, às vezes a criança de 9, 10, surpreende e vai melhor do que as de 12, 13", diz o diretor, acrescentando que adolescentes de 15 e 16 anos, em fase de mudança de voz, ficam de fora tanto da franquia infantil, quanto da adulta do The Voice.

 

O vencedor ganhará R$250 mil e um álbum gravado pela Universal. As inscrições para a quinta temporada, prevista para 2020, já estão abertas.