Argel Fucks confirma saída do CSA e acerto com o Ceará: "convite muito forte"

Comandante se despediu dos jogadores ainda no vestiário do Mineirão, e segue de BH direto para Fortaleza, onde se apresenta ao Vozão nesta sexta-feira

Por Gazetaweb | www.alagoasnt.com.br 29/11/2019 - 07:26 hs
Foto: Arquivo


Argel Fucks não é mais técnico do CSA. Na madrugada desta sexta-feira (29), depois da vitória sobre o Cruzeiro, por 1x0, o agora ex-comandante marujo anunciou que deixará o cargo a disposição da diretoria maruja e partirá para um "desafio maior" no Ceará.

 

"Já houve o convite muito forte em outubro e agora o convite é mais forte ainda. Então entendi junto com a minha comissão, preparador físico e auxiliar que era o momento de a gente ir para um desafio diferente. A gente gosta desse tipo de desafio. Foi isso que fizemos. Saímos daqui e deixamos a equipe viva na competição. A gente vai para o Ceará para um desafio muito grande que é a permanência", declarou Argel ao repórter Vinícius Silveira, da Rádio 98, de Belo Horizonte-MG.

 

Após a confirmação da saída do comandante, a diretoria do CSA se manifestou através de nota oficial: "O treinador Argel Fucks solicitou o desligamento do Centro Sportivo Alagoano. Agradecemos pelos serviços prestados". Em contrapartida, através das redes sociais, o Vozão anunciou a chegada do novo treinador. "Bem vindo, Argel!"

 

Argel chegou ao comando técnico do Azulão após queda de Marcelo Cabo durante a Copa América e estreou no cargo com derrota para o Corinthians, por 1x0, na 10ª rodada da Série A. O gaúcho demorou cinco rodadas para conhecer a sua primeira vitória, diante do Fluminense, por 1x0, no Maracanã. 

Neste período, o treinador conseguiu dar uma nova roupagem à equipe e passou a improvisar atletas que deram certo: o volante Dawhan, na lateral-direita, e o lateral Apodi, na ponta esquerda. Com estas cartadas, comandou o CSA na remada contra a maré e emplacou uma sequência significativa dentro do Estádio Rei Pelé, onde esbanjou uma invencibilidade de sete partidas.

 

As boas sacadas de Fucks frente à equipe maruja fez o Ceará sondar o comandante no mês de outubro, porém, a diretoria do CSA agiu rápido e resolveu renovar o contrato do gaúcho até dezembro de 2020. À época, após a renovação com o clube alagoano, ele concedeu entrevista coletiva e comentou sobre o assunto.

"Claro que, em virtude da proposta do Ceará, a gente acabou antecipando isso [a renovação]. Claro que me dá uma motivação muito maior, porque eu vejo que a diretoria tem confiança no nosso trabalho, vejo que a diretoria cumpriu o que falou pra mim, isso é importante. Da mesma forma também seria muito ruim pra minha carreira sair do CSA nesse momento. Para os jogadores, que valorizaram o meu trabalho", disse.

 

"Seria uma coisa muito ruim eu sair nesse momento. Eu seria um traidor se eu fizesse isso, principalmente com os jogadores e com a diretoria porque sempre deu a palavra pra mim e cumpriu", completou Argel.

 

Em contrapartida, depois da sequência de cinco derrotas consecutivas com o CSA e o novo assédio do Vozão, o comandante retrocedeu nas palavras e vai tentar livrar o Alvinegro cearense do descenso à Série B da próxima temporada. 

Argel deixa o CSA após 26 partidas pelo Brasileirão, sendo 7 vitórias, 5 empates e 14 derrotas. Argel Fucks acumula na carreira dois rebaixamentos na Série A: Internacional (2016) e Vitória (2017).

 

No início da madrugada, o clube cearense anunciou em suas redes sociais a chegada do novo treinador, que chega à Fortaleza nesta sexta. "

 

Sem Fucks e momentaneamente sem treinador, o Azulão do Mutange receberá o Bahia, no próximo domingo (1), às 18 horas, no Estádio Rei Pelé, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro Série A.