Corinthians é derrotado pelo Galo e perde chance de se consolidar no G-8

Por Gazetaweb | www.alagoasnt.com.br 02/12/2019 - 10:43 hs
Foto: Reprodução


Um jogo movimentado e com muitas chances, o Corinthians foi derrotado pelo Atlético-MG por 2 a 1 e perdeu a chance de se consolidar na zona de classificação da Libertadores. Janderson marcou o gol do Timão. Pelo lado do Galo, Cazares e Fábio Santos anotaram os gols.

 

Com o resultado, o Corinthians permaneceu com 54 pontos e foi ultrapassado pelo Internacional. A equipe de Dyego Coelho volta aos gramados na próxima quarta-feira, contra o Ceará, às 19h:30, no Castelão.

 

Começo animado

 

A partida começou muito movimentada no Independência, com chances para ambos os lados. O Corinthians tomou a iniciativa e pressionava com bolas paradas e jogadas individuais de Pedrinho, mas foi o Galo que abriu o placar. Aos 18 minutos, em um contra-ataque de velocidade, Jair tocou para Marquinhos na área. Ele ajeitou para Cazares, que soltou uma bomba no ângulo de Cássio para abrir o placar. A resposta do Corinthians foi imediata. No minuto seguinte, aos 19, Gustavo recebeu na área, fez o trabalho de pivô para girar e chutou para a defesa de Cleiton. O goleiro deu rebote e, na sobra, Janderson chutou forte para empatar.

 

Lá e cá

 

O jogo era bom e as duas equipes jogavam pra frente, em busca da vitória. Aos 38, em bola cruzada na área, Jair subiu mais que a zaga do Corinthians e carimbou a trave do time paulista. O timão respondeu aproveitando a falta de proteção do lado esquerdo da defesa do Atlético. Em jogada de pé em pé, Fágner chutou cruzado e Janderson empurrou para as redes, mas o gol foi anulado, corretamente, por impedido.

 

Lei do ex

 

As equipes voltaram para o segundo tempo com a mesma intensidade da primeira etapa. Logo aos 11 minutos, Gustavo ganhou de Igor Rabello pelo alto e deixou Clayson em boas condições de finalizar. O atacante chutou para fora, passando com muito perigo. Cazares estava imparável. O equatoriano foi derrubado na área por Janderson e o árbitro marcou pênalti. Fábio Santos, ex-jogador do Timão, foi para cobrança e colocou o time mineiro na frente. Dyego Coelho colocou o time para frente em busca de uma reação, mas o Galo soube se defender bem e segurou a vitória em casa para se garantir na Série A do Brasileirão.

 

FICHA TÉCNICA

 

ATLÉTICO-MG X CORINTHIANS

 

Estádio: Independência, em Belo Horizonte (MG)

 

Data: 01 de dezembro de 2019, às 18h00

 

Árbitro: Paulo Roberto Alves Júnior (CBF-PR) Nota L!: 7,0 Acertou nas decisões e controlou bem a partida.

 

Árbitro de vídeo: Elmo Alves Resende Cunha (CBF-GO)

 

Gramado: Bom

 

Cartão amarelo: Gustavo (Corinthians) / Fábio Santos, Patric (Atlético-MG)

 

Cartão vermelho: -

 

Gol: Cazares 18' 1ºT (1-0) / Janderson 19' 1ºT (1-1) / Fábio Santos 28' 2ºT (2-1)

 

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Manoel, Gil e Carlos Augusto; Gabriel e Júnior Urso (Boselli 30' 2ºT); Clayson (Matheus Vital 22' 2ºT), Pedrinho e Janderson (Vagner Love 33' 2ºT); Gustavo. Técnico: Dyego Coelho

 

ATLÉTICO-MG: Cleiton; Patric, Igor Rabello, Réver e Fábio Santos; Zé Welison e Jair(Otero 33' 2 ºT); Luan, Cazares (Ramón Martínez 42' 2ºT) e Marquinhos; Di Santo (Leonardo Silva 32' 2ºT). Técnico: Vagner Mancini