Leifert é comparado com Bial e internautas reclamam do apresentador

Internautas estão acusando o apresentador de defender Hadson, que foi acusado de machismo contra outras participantes do reality show

Por Portal Notícias ao minuto 12/02/2020 - 15:06 hs
Foto: Reprodução


O apresentador Tiago Leifert, 39, não agradou os telespectadores com seu discurso de eliminação na noite desta terça-feira (11), que teve como resultado a saída do ex-jogador de futebol Hadson, com 79,71% de votos.

 

Com atitudes declaradas machistas pelo público e até mesmo pelas próprias participantes da casa -na briga do teste de fidelidade como alvos Mari Gonzales e Bianca Andrade-, Hadson não agradou os internautas, que também questionaram o discurso de eliminação feito por Leifert.

 

"Não é desejar mal a ninguém, nem falar coisas que possam machucar o ser humano", justificou Hadson sobre suas atitudes ao deixar reality.

 

No entanto, a resposta de Tiago Leifert relativizou as atitudes machistas do brother como jogar bola, segundo aponta telespectadores. "Quem joga bola sabe. Às vezes você dá uma cotovelada no seu melhor amigo, jogando bola. Mas o juiz apita, acabou, acabou."

 

"Cancelado por passar pano pra macho", escreveu um internauta no Twitter, que também sugeriu que o apresentador fosse o próximo indicado para o paredão. "Saudades Bial que dava no meio de quem fazia merda", disse outra usuária da rede social.

 

Tiago Leifert também foi criticado por ter informado que Lucas Chumbo, primeiro eliminado do BBB 20, venceu a competição de ondas gigantes em Nazaré, na terça (11). "Tiago anda dando muita informação do mundo externo pro pessoal do BBB. Domingo falou do jogo, agora falou do Chumbo", escreveu Giovanna Ewbank no Twitter.

 

Bruna Marquezine, amiga de Manu Gavassi, respondeu o tuíte de Ewbank e disse que Leifert está a irritando. "E umas informações falsas também", completou a atriz.

 

Na manhã desta quarta-feira (12), Hadson participou do Mais Você (Globo) e ao ser questionado por Patrícia Poeta e Fabricio Battaglin, o ex-participante do BBB disse que não se considera machista. "Jamais. As mulheres têm direito de achar que eu sou. Vou aprender com meu erro, vou buscar crescer com isso e não sou contra a causa dos feminismo. Eu me separei e fui morar só com mulheres. Errei, eu sou humano".